segunda-feira, 10 de outubro de 2016

PESCARIA - TRAÍRA NO FLY



Um caso inusitado. Estávamos pescando tabaranas nas corredeiras do rio Sapucaí. Arremessei meu andino junto à margem oposta, na entrada de um remanso, mas a linha embolou na carretilha no final do arremesso. Enquanto eu tentava desfazer aquela maçaroca, a correnteza arrastou a linha e a mosca foi derivando rio abaixo.
Assim que comecei a recolher a linha, senti o tranco, depois uma bela briga. Será uma tabarana? Dourado? De repente o bicho pula... uma bela e gorda traíra!!
Traíra na corredeira não é comum. Muito menos saltar daquele jeito.
Tabarana mesmo, quase não vi nesse dia.
Coisas de pescaria. Sempre imprevisível.
Pena que o imbecil aqui esqueceu o alicate de contenção. Teria dado uma bela foto!

fly
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário